Contate-nos 2198847-7114 ou em 2198872-3729
­

CANAL REVERSO PARA MEDICAMENTOS

By |setembro 27th, 2016|

O descarte de remédios é um problema de pouca visibilidade, na mídia, em fóruns de discussão, no meio acadêmico etc. Confesso que após ouvir o relato abaixo, em uma viagem no metrô do Rio de janeiro, ao sentar-me ao lado de duas senhoras que conversavam, comecei a pensar que na maioria das residências brasileiras, é dado o mesmo destino aos remédios que não são mais utilizados ou perderam a validade. […]

ENERGIA EÓLICA: não podemos esquecer dos materiais

By |setembro 19th, 2016|

Após tornar-se signatário do Acordo de Paris, o Brasil estabeleceu a meta de reduzir a emissão dos gases de efeito estufa em 37% até 2025. Uma das ferramentas para o atingimento desta meta é a mudança na matriz enérgica brasileira, substituindo energias poluentes, como o carvão e o petróleo, por energias limpas, principalmente a eólica e a solar. Ambas, além de um menor impacto ambiental, são energias renováveis, ou seja, podem ser repostas a curto ou médio prazo, espontaneamente ou por intervenção humana. […]

NEGOCIAÇÃO: tema cada vez mais atual e difícil

By |setembro 13th, 2016|

Negociação é um tema tão antigo quanto a própria humanidade. Desde a era pré-histórica os seres vivos utilizam alguma forma de definir condições de persuasão e convencimento, para evitar conflitos ou garantir a sobrevivência das espécies. Mas, foi a partir do século 20 que foi construída uma base conceitual e científica da negociação. […]

NEGÓCIOS DE IMPACTO SOCIAL: Solucionando problemas sociais e ambientais

By |setembro 6th, 2016|

Com o encerramento dos jogos olímpicos Rio 2016 e da “etapa legislativa” do processo de impeachment (digo “etapa legislativa”, porque estamos agora diante de um imbróglio jurídico, em função da decisão de dupla votação tomada pelo Senado), a atenção da mídia e da maioria da população retornou para o cenário precário que estamos vivendo em nosso país, nos últimos anos, com mais de 11 milhões de pessoas sem emprego, empresas diminuindo ou encerrando seus negócios, situação pré-falimentar (sendo otimista) de Estados e Municípios, caracterizada pelo caos nas Áreas de Saúde, Educação e Segurança, em unidades federativas, como Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, entre outros. […]